sexta-feira, dezembro 26

Feliz Ano Novo a todos que me visitam



Ao fundo bate como um vento a musica de Cat Stevens.
Nela me transporto para o passado para pensar no futuro.
Quem sou!?
De onde vim!?
Para que vim!?
Vivo a poesia e seu vento peculiar.
Gosto das pessoas conforme elas são, sem nenhum tabu,
pois todos somos gente que se encontra e desencontra nesta vida.
Cada um ao seu jeito de se transformar para melhor, e quem não vier a bem não se integrar, neste perfil.
Sou de paz e beleza do outro, passando por mim.
e, por isso, desejo a todos um feliz encontrar em 2009.
A Todos vocês obrigada por eu existir.

Madalena Gouvêa Lemos

ESPIRITUALIDADE

Espiritualidade é reconhecer nossa própria sabedoria interior, reconhecer o oráculo que existe dentro de nós. Se escutarmos a essa sábia voz interior, poderemos aprender como dar sentido às coisas e entender o que está acontecendo ao nosso redor.
Quando vamos para dentro, a mente começa a se acalmar e assentar. A vida se torna mais ordenada e nos sentimos mais contentes. Começamos a sentir que agora podemos ir em frente nessa jornada que irá nos preencher.

Jim Ryan


Quanto maior for a sua transformação, mais leve e luminoso será o brilho da sua espiritualidade.
Ser espiritual é tornar-se preenchido com todas as virtudes e poderes e utilizá-los na hora certa. Aqueles que têm a experiência de permanecerem na companhia de pensamentos puros e elevados, nunca precisarão da bengala dos falsos suportes.

António Sequeira, Virtudes para uma nova consciência, Centro de Raja Yoga Brahma Kumaris

domingo, dezembro 21

O que Jesus veio ensinar

Leda de Almeida Rezende Ebner

de Ribeirão Preto, SP



Quando Jesus prometeu enviar o outro Consolador, que viria recordar tudo que ele ensinara e dizer outras coisas, ele sabia que o objetivo maior dos seus ensinos seria esquecido pela maioria dos seus seguidores, devido à própria imperfeição humana.

Ainda hoje, a essência da sua mensagem permanece ausente das preocupações de muitos dos que se dizem cristãos.

O Espiritismo, com a demonstração dos seus princípios básicos, conseqüências de leis naturais ou divinas, veio relembrar, com provas irrefutáveis, o objetivo maior dos ensinos de Jesus.

Auxiliar os pobres nas suas necessidades materiais é dever moral, mas também social, cívico, isto é, do interesse da própria sociedade, do país, porque todos devem zelar pelos seus membros, para que todos tenham o necessário para viver, sem precisar se apropriar dos bens alheios, ou irem em busca do dinheiro mais fácil.

Trabalhar nas diversas atividades das sociedades espíritas, auxiliar na alimentação, nas roupas aos necessitados, nos ensinos, nos cursos e nas palestras, fazer parte da direção e da coordenação dos trabalhos, tudo isso é dever de quem pode, de quem é cristão.

Mas será que Jesus, Um Espírito Puro, renasceria na Terra, apenas para despertar nos homens a vontade de colaborar com seu país, com sua cidade, com sua comunidade, com seus habitantes? A consciência desses deveres não viria, com o próprio desenvolvimento da inteligência humana, para facilitar o inter-relacionamento entre as pessoas?

Jesus veio libertar o homem da sua ignorância das leis divinas, veio direcionar sua inteligência para entender seu destino de filho de Deus, da responsabilidade de cada um, no cumprimento desse destino.

Veio alertar os homens da necessidade do seu desenvolvimento interno, das suas possibilidades de transmutar-se de ser imperfeito a ser perfeito e feliz.

Veio ensinar que só o bem é eterno, o mal é sempre fruto da imperfeição do homem, enquanto Espírito imperfeito.

Jesus veio demonstrar o destino de todos os seres vivos, filhos de Deus, criados para a perfeição e a felicidade, as quais devem ser conquistadas pelo esforço de cada um, no desenvolvimento do potencial divino que faz parte do Ser Essencial, desenvolvimento esse do qual ninguém escapa.

Jesus veio, como O Guia, indicar o caminho da conquista do reino de Deus , que está em cada um dos filhos de Deus; e como O Modelo, mostrar e demonstrar a todos como é um Espírito, que já tem em si esse reino de Deus.

Buscar vivenciar seus ensinos é o mínimo que podemos fazer, nós, todos nós, que nos dizemos cristãos.



Fonte: Verdade e Luz, edição nº 239 Dezembro de 2005

Federação Espírita do Estado de Mato Grosso – wwwfeemt.org.br

A DUALIDADE E ENERGIA DO TRIÂNGULO (Parte I)

Todas as pessoas que chegam a um certo ponto de evolução sabem que têm de harmonizar os opostos, harmonizar a sua dualidade. Sabendo que são duais e aceitando isso. Trabalhando para abolir o julgamento e aceitando as suas incongruências, e tratando delas como se fossem memórias, matéria-prima para se trabalhar e limpar.

Sabendo que tudo tem um equilíbrio, e que a harmonia entre o sim e o não é que é a resposta. Sabendo que a mente e a emoção são opostos e igualmente valorosos. Sabendo que a terra e o céu, a matéria e espiritualidade, são apenas dois pólos de um conceito indivisível.
Sabendo que os opostos são irrefutáveis e que os terão de integrar nas suas vidas. Essas pessoas superaram com distinção a experiência da dualidade.

Nesta altura, as pessoas que ainda julgam…Que pensam que escolher é negar a outra parte, não a aceitando…Que escondem tudo o que não conseguem aceitar, por uma questão de moralismo barato e estéril… Que julgam os outros não aceitando que eles sejam ou façam o que quer que seja - cada um tem o direito de ser e de escolher quem é… Que julgam os outros, não aceitando que eles sejam ou façam às vezes a mesma coisa que quem julga é ou faz… Que estão comprometidos com a ilusão, insistindo em acreditar só no que lhes convém - domínio do ego… Essas pessoas não superaram a experiência da dualidade. Não avançaram. Ficaram-se pelos dogmas impostos pelos outros. Escolheram a partir da opinião dos outros, ou melhor, não escolheram. Estas pessoas não estão prontas para dar o salto. Para a nova era, para o novo tempo.

A era de Aquário traz um adicional à experiência de dualidade. Esse adicional só poderá ser vivido por quem já aceitou plenamente essa experiência... com sucesso. E esse adicional é a ligação ao sagrado, ao eterno.


(continuação no próximo Ensinamento)
A Alma Iluminada, Alexandra Solnado

segunda-feira, dezembro 8

Reencarnação está na Bíblia. Só não vê quem não quer

A Igreja já renunciou às difamações, mas os nossos irmãos evangélicos herdaram dela essas e outras sucatas religiosas supersticiosas!



OS ESPÍRITOS SÃO PREEXISTENTES À CONCEPÇÃO DO CORPO
Reencarnação está na Bíblia. Só não vê quem não quer


Como se sabe, o cristianismo aceitava a reencarnação, somente abolida no Concílio Ecumênico de Constantinopla (553), o que resultou na morte de um milhão de cristãos em lutas com a polícia de Justiniano (meu livro "A reencarnação na Bíblia e na Ciência", Ed. EBM, SP).

O espiritismo prega a reencarnação. A Igreja dizia, equivocadamente, que ou ela acabaria com ele ou ele acabaria com ela. E ela incentivou os católicos a atacarem a doutrina de Kardec com todas as armas. Daí as calúnias contra o espiritismo e a lavagem cerebral feita nos católicos, que passaram a tê-lo como feitiçaria, e os médiuns como loucos.

Os padres ainda ensinavam que os espíritos comunicantes eram os diabos, contrariando o Deuteronômio 18,11, em que Moisés (não Deus) proibiu foi o contato com os espíritos dos mortos! A Igreja já renunciou a essas difamações, mas os nossos irmãos evangélicos herdaram dela essas e outras sucatas religiosas supersticiosas!

Com Kardec, o espiritismo, que é a única religião experimental, e a reencarnação passaram a ser estudados pela ciência. E entre os seus cientistas, há até quem tem Prêmio Nobel, como William Crokes e Charles Richet, que antes eram materialistas. E, atualmente, a maior parte dos cientistas espiritualistas crê na reencarnação e tem simpatia para com o espiritismo e as religiões orientais, em cujos postulados eles vêem alguns princípios condizentes com a física quântica, a genética e outras ciências. Exemplos: o psiquiatra e geneticista Jorge Andréas, o neurocirurgião e professor da Unicamp Nabur Facure, o filósofo Régis Morais, professor da Unicamp, Universidade Nacional de Lisboa e PUC do Chile, e o astrofísico português e professor Luís de Almeida, titular da Agência Espacial Norte-Americana (Nasa) e da Agência Espacial Européia (ESA), todos eles autores de renomadas obras espíritas.

Dizem alguns: se a população do mundo aumenta sempre, onde se encontrarem tantos espíritos para reencarnar? Respondemos que os espíritos são preexistentes à concepção do corpo. Se o espírito fosse criado junto com ele, a soberana vontade de Deus de criar espíritos teria de se subordinar à vontade do casal para copular e ter filhos!

E vamos à Bíblia: "Antes que entrastes no ventre materno, eu te conheci" (Jeremias 1,5). "Eu era um bom jovem, por isso caí num corpo perfeito" (Sabedoria 8, 19 e 20). O verbo "era" é passado, antes de nascer. "Bom jovem" ele foi numa vida anterior. E "caí num corpo perfeito" é a reencarnação num corpo merecido, carmicamente, por ele. João Batista disse que não era Elias, pois ele não se lembrava dessa sua vida. Deus quis que nós nascêssemos como se fôssemos zero km. "Somos de ontem, e nada sabemos" (Jó 8,9). E Jesus mostrou-nos que o seu precursor era mesmo reencarnação de Elias. "Eu vos enviarei o profeta Elias" (Malaquias 4,5). Jesus fala sobre o retorno de Elias, e os discípulos entenderam que se tratava de João (Mateus 17, 10 a 13). E mais, Jesus afirma que ele, João, é mesmo Elias: "E, se o quereis reconhecer, ele mesmo é Elias, que estava para vir. Quem tem ouvidos,[PARA OUVIR] ouça" (Mateus 11,14). Ora, Jesus não poderia falar de modo mais contundente que João é a reencarnação de Elias!

Aliás, a própria Bíblia de Jerusalém traz, numa nota de rodapé, a observação de que o povo judeu acreditava na reencarnação. Mas Jesus era também judeu. E é Ele próprio o autor dessa afirmação irretorquível, de que João Batista é reencarnação de Elias!


http://www.otempo.com.br/otempo/colunas/

sábado, dezembro 6

Caetano Veloso - Sozinho (Ao Vivo)

video

Queen - Love of My Life

video

Dixie Chicks "Landslide"

video

OS SONHOS

Eu sempre te disse que as pessoas deviam seguir os seus sonhos, mas nunca te disse porquê. É simples. As pessoas não devem seguir os seus sonhos para serem mais felizes. Nem para se tornarem completas. Nem para evitarem as frustrações ou corrigirem o medo. As pessoas devem seguir os seus sonhos por uma única razão. Todo o ser humano vem à terra com uma missão. Mas, independentemente da missão particular de cada um, existe a missão da raça humana. O motivo básico e inicial da presença dos homens na terra. A capacidade de exporem a vossa alma. A capacidade de levar o divino à matéria, entrecruzar os mundos com energias penetrantes.De cada vez que um homem expõe a sua alma, ele está a levar Deus à terra, a fazer o percurso sagrado. E o percurso sagrado, a presença de Deus na terra, só se alcança fazendo a alma do homem brilhar. E o que é que faz brilhar mais a alma de um homem do que o seu sonho?


A Alma Iluminada, Alexandra Solnado

sexta-feira, dezembro 5

Jesus Cristo

De “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, capítulo VI – “O Cristo Consolador”, Instruções dos Espíritos, item 5: “... Espíritas! amai-vos, este o primeiro ensinamento; instruí-vos, este o segundo. No Cristianismo encontram-se todas as verdades; são de origem humana os erros que nele se enraizaram. Eis que do além-túmulo, que julgáveis o nada, vozes vos clamam: Irmãos! nada perece. Jesus Cristo é o vencedor do mal, sede os vencedores da impiedade.” – O Espírito de Verdade (Paris, 1860).
Nasce uma Criança e, com ela, Sublime Esperança... Para todo o povo na Terra Nova Era se descerra!
Em Maria, encontrou o ventre materno que Lhe acolheu ditoso, propiciando zelo terno no berço pobre e venturoso.
Com José, aprendeu o ofício de humilde carpinteiro, trabalhando em benefício do homem por inteiro!
Cresce o menino Jesus trazendo amor à Humanidade, sua doce palavra conduz às bênçãos da fraternidade!
Médico das almas, limpa também chagas e feridas, aguardando com serena calma as provações sofridas.
Promete jugo suave e fardo leve àqueles que forem fiéis aos Seus ensinamentos. E não há quem não se enleve, bebendo na fonte dos mais puros sentimentos.
Mas, debalde seja portador apenas da fé e da bondade, padece Ele por amor a toda Humanidade!
E da cruz de Redenção permanece amparando a nossa ignorância... Ministrando o perdão à injustiça e à intolerância!
Porém, vive Jesus, acima de todos os profetas, trazendo Excelsa Luz no círculo das paixões abjetas.
Vive o Senhor, nos gestos de devotamento e abnegação, facultando o caminho redentor de paz e renovação.
Vive o Mestre, em pensamentos, palavras e atitudes, denotando ao irmão terrestre a grandeza das santas virtudes!
Louvado seja Celeste Amigo, por levantares o véu da incerteza, ressurgindo do jazigo em manhã de rara beleza!
Obrigado por amparares o homem pecador e, no Natal que se aproxima, desejamos com a melhor estima: - Felicidade eterna ao nosso Salvador!

Thiago Silva Baccelli é Orador Espírita, Psicólogo Clínico e bacharel em Direito.


http://www.jornaldeuberaba.com.br/?MENU=CadernoA&SUBMENU=Opiniao&CODIGO=26970

terça-feira, dezembro 2

Ivete Sangalo - Deixo

video

LIBERDADE E CONEXÃO

Só um ser humano livre poderá orar a um Deus livre e conseguirá a sua conexão com o céu de uma forma livre e comprometida. O vosso compromisso é comigo. Deixem os intermediários. Se estiverem conectados comigo saberão como e quando serem solidários. Eu falo-vos a todos, um por um. Só quando a vossa Igreja deixar de querer ser a única beneficiária do céu, só quando ela abrir os meus ensinamentos a toda a Humanidade, o ser humano conseguirá olhar para o seu vizinho sem ressentimentos nem competição. O teu Deus não tem de ser pior ou melhor que o meu. Tu vês Deus à tua maneira e eu vejo Deus à minha, damos as mãos e vamos viajar pelo céu para vê-los. Os nossos Deuses. Todos os homens são irmãos, por conseguinte, filhos do mesmo Pai. Mas cada homem tem a sua cultura e chama o seu Pai por um nome diferente. Reza a ele de forma diferente. Relaciona-se de forma diferente. Aprendam os nomes dos Deuses uns dos outros, vão aos templos uns dos outros, aprendam rezas, mantras, preces, chamamentos, rituais. Aprendam tudo e juntem-se a mim nesta imensa festa que é adorar o céu. Bem hajam todos os que vierem por bem.


Este Jesus Cristo que Vos Fala, Livro 1 / A Entrega,
Alexandra Solnado